Manifestantes, 15.3.2018, foto: Estadão

“Manifestamos total apoio à luta dos professores e servidores públicos de São Paulo contra o projeto de aumento abusivo e arbitrário da contribuição previdenciária do funcionalismo pela Prefeitura de São Paulo. Ao mesmo tempo, parabenizamos as categorias pela luta corajosa contra mais este ataque aos seus salários e direitos.O congelamento do projeto por 120 dias, pela Câmara Municipal de Vereadores de São Paulo, é uma vitória da mobilização, da resistência, do enfrentamento à repressão e da unidade do funcionalismo. A luta faz a lei e é desta forma que a classe trabalhadora vai derrubar os ataques aos direitos e fazer valer o direito democrático de participação nas decisões que afetam a sua vida. Sigam firmes na luta até a derrubada definitiva desta proposta injusta. Chega de repressão e arbitrariedades!”

Miguel Torres
Presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de São Paulo e Mogi das Cruzes e da CNTM (Confederação Nacional dos Trabalhadores Metalúrgicos/Força Sindical) vice-presidente da Força Sindical